Concórdia – Nesta quarta-feira, 11 de abril, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Rio Grande do Sul (FETRAF-RS), participa de mobilizações no Dia Nacional de Luta em todo o Brasil em defesa da democracia e de Lula livre.

A FETRAF-RS estará participando de três atos em todo o Rio Grande do Sul. No Alto Uruguai a mobilização ocorrerá na ponte que liga o município de Marcelino Ramos à Concórdia; outra ação acontecerá na ponte que liga o município de Sananduva a Campos Novos; e a terceira mobilização será na ERS 406, trevo de acesso ao município de Planalto, estrada que liga a cidade a Chapecó.

De acordo com o coordenador geral da FETRAF-RS, Rui Alberto Valença, o objetivo do ato é em defesa da democracia.

“Nossa democracia é muito jovem e está nesse momento sendo muito ameaçada. Isso acontece quando se quer fazer uma Reforma da Previdência a força, tirando os direitos da agricultura familiar, quando se faz uma Reforma Trabalhista tirando todos os direitos conquistados nos últimos 70 anos dos trabalhadores. Compromete a democracia quando temos um legislativo, executivo e judiciário enrolados em corrupção, quando temos uma justiça que não respeita os atos constitucionais, que prende as pessoas sem estar condenadas, não permitindo o direito da ampla defesa, a exemplo disso temos essa prisão injusta e arbitrária de Lula”, disse.

Ainda conforme Valença, a mobilização é pacífica, assim como sempre foram os atos dos agricultores familiares. No Alto Uruguai a mobilização está programada para iniciar a partir das 8h30min. “Convidamos todas as pessoas que estão preocupadas com a nossa situação política, econômica e social a participarem”, finalizou.

ponte