Concórdia – Através de um pedido feito pelo deputado Neodi Saretta, presidente da Comissão de Saúde, será realizado em Concórdia, dia 06 de dezembro, o I Seminário Estadual de Atualização das Políticas Públicas do Aleitamento Materno. O objetivo do evento é atualizar os profissionais de saúde sobre o aleitamento, bem como políticas públicas voltadas ao incentivo da amamentação, promoção da saúde da criança e redução da mortalidade infantil.

Saretta explica que o evento é muito importante e necessário, pois a troca de conhecimentos e de experiências sobre amamentação é fundamental para a qualificação dos profissionais que atuam nessa área. Para o deputado, é importante incentivar a amamentação. “Precisamos debater o tema e as políticas públicas de incentivo a amamentação, pois o leite materno é a primeira fonte alimentar dos bebês e não tem apenas a função de nutri-los, mas também de afastá-los de doenças”, disse.

O último estudo nacional sobre amamentação, promovido pelo governo em 2008, estimou uma duração mediana do aleitamento exclusivo é de apenas 54,11 dias, além da prevalência de 23,3% e 9,3% aos 4 e 6 meses, respectivamente e isso pode se dar pelo retorno da mulher ao trabalho, ao final da licença de quatro meses e a falta de salas de amamentação nas empresas.

I Seminário Estadual de Atualização das Políticas Públicas do Aleitamento Materno é gratuito e será realizado no Auditório da Universidade do Contestado – UnC. O evento é voltado aos profissionais de saúde, acadêmicos, mulheres, gestores e população em geral, nos diferentes níveis de complexidade da Rede de Atenção à Saúde. O seminário é realizado pela Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira, com apoio da Comissão de Saúde. (Por Susana Rigo/Ascom Deputado Neodi Saretta)