Concórdia – O corpo policial militar concordiense assassinado em São Paulo por um bandido que foi preso na manhã da segunda-feira, dia 29, em Cubatão, foi sepultado em Concórdia na tarde desta terça-feira, dia 30, no Cemitério Parque.

Juliano Ritter foi morto em São Vicente/SP no domingo, dia 28, quando foi alvejado na cabeça por um disparo de arma de fogo. O bandido fugiu, porém foi localizado pela Polícia Civil.

O policial militar estava em trabalho quando foi alvejado. A vítima foi resgatada, encaminhada ao Hospital Municipal, porém não resistiu depois de passar por uma intervenção cirúrgica.

A família do policial é do bairro das Nações.