O Ministério Público do Rio Grande do Sul ofereceu denúncia, nesta quinta-feira(6), contra o ex-vice jurídico do Internacional, Marcelo Castro. Ele é acusado de estelionato, lavagem de dinheiro e por embaraçar investigação relacionada a organização criminosa no biênio 2015/2016. Outras seis pessoas foram denunciadas, entre eles o ex-centroavante Christian. Com passagens por Inter, Grêmio, Corinthians, PSG e convocações para seleção brasileira, Christian atualmente trabalha em uma empresa que é parceira da Chapecoense. Em nota, o MP-RS explicou cada caso pelos quais os denunciados responderão. As denúncias fazem parte da sequência da ‘Operação Rebote’ que apura irregularidades na gestão de Marcelo Piffero, que teria lesado as finanças do Inter e quase R$ 12 milhões.